Connect with us

Geral

Pretas Por Salvador participam da Marcha Das Mulheres Negras

Publicado

em

Na tarde de segunda-feira (25), o Mandato Coletivo Pretas Por Salvador participou da Marcha das Mulheres Negras no Poder, construindo o Bem Viver, dentro da programação da 10ª edição do Julho das Pretas. Como diz a vereadora Laina Crisóstomo (PSOL), a atividade é um marco na luta e resistência das mulheres negras, pois celebra os 30 anos desde que 25 de Julho foi declarado Dia Internacional da Mulher Negra Latino Americana e Caribenha.

A concentração para a marcha aconteceu na Praça da Piedade, com saída em direção ao Terreiro de Jesus, no Centro Histórico. Mesmo com chuva, o encontro reuniu centenas de mulheres que, juntas, reivindicam o fim do racismo e do machismo.

Criada em 2013, pelo Odara – Instituto da Mulher Negra, o Julho das Pretas celebra e debate, em especial, o dia 25 de Julho, com ações de incidência política e agenda conjunta e propositiva com organizações e Movimento de Mulheres Negras do Brasil. Há a proposição de temas que coloquem as mulheres no centro do debate político essas mulheres.

“Essa data é uma data muito simbólica e passa a existir a partir de 1992, quando várias mulheres negras de toda a América Latina e Caribe se reúnem para discutir e denunciar o quanto não é possível universalizar a figura das mulheres. Nós mulheres sofremos todas, com machismo, mas não, não sofremos de forma igual. Mulheres negras sofrem o acúmulo do machismo com o racismo e, a depender de toda a interseccionalidade, sofrem inúmeras outras opressões nos acessos e nos direitos”, destacou a vereadora Laina Crisóstomo.

Debates
A vereadora ressalta também o Dia de Tereza de Benguela, quilombola que é símbolo de resistência, e que segue inspirando mulheres até os dias atuais. “Após dois anos de pandemia, a ocupação das ruas reafirma a importância de se debater essa data, que é, de fato, extremamente simbólica e carrega inúmeros debates”, completa Laina.
Presente no evento, a co-vereadora Cleide Coutinho comemorou a participação de tantas mulheres na luta por mais mulheres negras ocupando os espaços de poder e, em especial neste ano eleitoral.

“Finalizamos a nossa marcha. Nem a chuva estragou o nosso dia. Foi uma das marchas mais lindas que eu já acompanhei no 25 de Julho, dia Internacional da Mulher Preta e Caribenha. Gratidão por todas as companheiras, por todas as mulheres pretas que compareceram na nossa marcha”, disse Cleide.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

PUBLICIDADE

ESTAMOS NO Facebook

Copyright © 2017 Política na Rede