Connect with us

Geral

Capacitação destaca importância da alimentação saudável nas escolas municipais

Publicado

em

Com a missão de ampliar a oferta de cardápio da merenda escolar da rede municipal, a Prefeitura iniciou, nesta quarta-feira (18), a capacitação de nutricionistas para o cumprimento das metas estabelecidas no Acordo de Cooperação de Alimentação Sustentável. A ação é uma iniciativa da gestão, em parceria com as secretarias de Educação (Smed) e Sustentabilidade e Resiliência (Secis), que ainda reúne a organização Human Society International (HSI) e o programa Alimentação Consciente Brasil (ACB).

O primeiro dia de capacitação, realizado no Subúrbio 360, em Coutos, foi marcado pela presença de nutricionistas da Secretaria Municipal de Educação (Smed). “É importante falarmos sobre a questão da alimentação saudável e da sustentabilidade. Sabemos que, com o passar do tempo, várias crianças deixaram de comer vegetais, então precisamos incluir em suas alimentações esse tipo de alimento, rico em nutrientes que ajudam no desenvolvimento delas”, disse a coordenadora de Alimentação Escolar da Smed, Emília Coelho.

Alimentação sustentável – Durante a formação, foram aplicados conteúdos como uso de alimentos de origem vegetal para preparo de receitas; como montar um prato saudável à base de vegetais; técnicas de cortes; importância nutricional das leguminosas, dentre outras abordagens. Além disso, os participantes puderam construir pratos com preparo de legumes e vegetais, a exemplo de estrogonofe de grão-de-bico, feijoada de legumes e moqueca de feijão branco.

Para a nutricionista materno-infantil da Smed, Jandeline Estrela, a iniciativa é um avanço na oferta da alimentação escolar. “Quando temos a percepção de que a alimentação escolar engloba uma alta porcentagem da criança, isso se torna muito relevante. Saímos do termo “merenda escolar” e estamos evoluindo para alimentação escolar. Então, todo o processo de treinamento teórico e prático acompanha esse termo também”, disse.

A nutricionista Ayala Portela ressaltou a importância da capacitação. Para ela, a oferta de legumes e vegetais na alimentação infantil é desafiador, mas que é necessário aplicar técnicas culinárias para tornar o prato mais atrativo para essas crianças.

“É importante oferecer a alimentação sustentável pela alta quantidade de vitaminas nutricionais presentes, onde muitos não têm acesso ou acabam não consumindo esses alimentos. Além de fazerem parte da alimentação escolar, é necessário que possamos incentivar cada vez mais que as suas famílias insiram esses legumes e vegetais nas refeições oferecidas dentro de suas casas”, pontuou Ayala.

Continuidade – Nesta sexta-feira (20), e nos dias 25 e 27 de maio, além dos dias 1º e 3 de junho, manipuladores de alimentos da Smed também serão capacitados. Mais de 170 mil crianças serão beneficiadas com a inserção dos novos ingredientes, a serem inseridos de forma gradual, e mais de 10 milhões de refeições serão ofertadas anualmente.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

PUBLICIDADE

ESTAMOS NO Facebook

Copyright © 2017 Política na Rede