Connect with us

Geral

Bruxismo: especialista dá dicas para tratamento

Publicado

em

Não poder visitar amigos, familiares e colegas de profissão já se tornou um hábito não muito agradável no cotidiano das pessoas por conta da pandemia mundial da Covid-19, que chegou ao Brasil em 2020. Junto com essas impossibilidades, vieram também alguns sintomas como a ansiedade, o stress e a dor de cabeça que podem também ser sinal do bruxismo – uma condição caracterizada por atividade repetitiva dos músculos de mastigação, podendo apresentar tensão muscular, cansaço no rosto e outros sintomas.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o bruxismo acomete cerca de 30% das pessoas no mundo e no Brasil, 40% da população e seus sintomas mais aparentes são: a dor de cabeça, dentes desgastados, trincados e que, em alguns casos, chegam a quebrar devido à repetição do ranger dos dentes.

Segundo a cirurgiã dentista do Hospital de Odontologia Especializada (HOE), Dra. Mayara Moreira, além das condições citadas a cima, o bruxismo também é causado, muitas vezes por gatilhos psicológicos. “Fatores como o stress, ansiedade e depressão, problemas de sono, problemas respiratórios e questões genéticas como o Mal de Parkinson podem desenvolver o bruxismo”, aponta.

Tratamento
Existe mais de um tipo de bruxismo. O de vigília que acontece quando se está acordado e o do sono, quando se está dormindo. Após a identificação, a forma mais comum de tratamento é a placa estabilizadora dura, que separa os dentes de cima dos de baixo e em outros casos, o uso de medicação, exercícios, e acompanhamento psicológico.

HOE – Com mais de cinco anos no mercado, o Hospital de Odontologia Especializada (HOE) possui unidades nos estados da Bahia e Minas Gerais e é especializado em atendimento de padrão hospital com mais 12 mil procedimentos realizados, recebendo título de 1º Hospital Odontológico nos estados em que atua.

Continue Reading
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

PUBLICIDADE


ESTAMOS NO Facebook

Copyright © 2017 Política na Rede