Justa homenagem: Auditório do Centro de Cultura da CMS passa a se chamar Clarice de Almeida Ferreira

Foi aprovado por unanimidade, durante sessão plenária nesta terça-feira (22), a homenagem do Legislativo soteropolitano à mãe do presidente da Casa, vereador Geraldo Júnior (MDB). O auditório do Centro de Cultura, localizado no subsolo da Prefeitura de Salvador, na Praça Municipal, passa a se chamar Clarice de Almeida Ferreira, que faleceu no dia 27 de novembro, aos 81 anos, vítima de um acidente vascular cerebral (AVC). Se estivesse viva teria completado 82 anos no último dia 5 de dezembro. Ela deixou dois filhos e cinco netos. 

O presidente Geraldo Júnior, muito emocionado, chorou e agradeceu o reconhecimento dos seus pares à memória de sua mãe. “É um gesto de grandeza desta Casa, em que reconhece o forte trabalho filantrópico realizado por minha mãe. Será um cantinho para me lembrar dela”, disse.

A partir de agora o Centro de Cultura, também, será oficialmente denominado de Manoel Querino, pois um decreto com essa denominação havia sido revogado por uma lei.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM