“Jornalismo de alta performance” continua sendo a ferramenta para políticos de baixa categoria

Parece que o blogueiro direitista/dublê de animador de passeata/ subcelebridade Eustáquio, O. achou o termo para denominar alguns elementos da imprensa soteropolitana: jornalista (ismo) de alta perfomance.

Personagens fantasiosos que colocam a profissão em segundo plano para criar imagens de falso glamour e desmerecer o trabalho feito por colegas e seus veículos. Criam intrigas, futricas e fofocas para transformar concorrentes ou colegas em adversários. Desleais com o Jornalismo e com pessoas.

Indivíduos e suas “empresas” que se nutrem da relação com o poder político para sangrar cofres públicos usando o Jornalismo e a credibilidade da profissão para azeitarem suas contas bancárias. Isso sem contar com as performáticas atuações nas redes sociais para garantirem suas facetas que agradam aos políticos interessados em factoides e na audiência efêmera dessas subcelebridades da notícia.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM