Deputado petista entra na Justiça contra homenagem no novo Centro de Convenções

O deputado petista Robinson Almeida, ex-chefe da SECOM de Jaques Wagner e hoje deputado estadual, ingressou com uma ação popular para “judicializar” o projeto de indicação do vereador Kiki Bispo para o Centro de Convenções ACM. 

O pedido, o petista exige que o busto do falecido senador Antônio Carlos Magalhães – que dá nome ao equipamento – seja retirado das dependências do imóvel recém inaugurado para servir como novo centro de eventos da capital baiana.

Em entrevista ao jornal Tribuna da Bahia, o vereador Kiki Bispo apontou que a medida é antirrepublicana e antidemocrática e, além disso, desrespeitosa com a Câmara Municipal de Salvador, que aprovou, ainda em 2018, o projeto que denomina Antonio Carlos Magalhães, o novo Centro de Convenções. A proposta, de autoria do próprio Kiki, teve 28 votos favoráveis e 5 contrários. Robinson Almeida pretende ser o candidato do PT à Prefeitura de Salvador e enfrenta resistências por cont de seu histórico como secretário, onde era odiado por servidores e correligionários, além de profissionais de Comunicação.

Com informações da TV Servidor

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM