Unidades móveis de órgãos do Estado atendem público da Flica

Diversos órgãos do Governo do Estado estão atendendo à população durante a Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica), que segue até domingo (27). No SAC Móvel é possível obter documentos e certidões, e nas unidades móveis das secretarias de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) e de Política para as Mulheres (SPM) podem ser feitas denúncias de racismo ou de violência contra a mulher. Segundo o coordenador do SAC Móvel, Manoel do Espírito Santo, a unidade oferece RG, certidão de antecedentes criminais, CPF, recadastramento de pensionistas e aposentados do Estado e Ouvidoria Geral do Estado. “Para o RG é necessário a certidão original de nascimento. Se for casado, a certidão de casamento; se for viúvo é preciso trazer a certidão de casamento e também a certidão de óbito. Todos os documentos precisam ser originais e a taxa é de R$ 37,77. A primeira via dos documentos é gratuita”, explicou. A unidade está localizada próximo à ponte que liga Cachoeira a São Félix, com atendimento das 8h às 18h. Dona Benedita Lúcia do Nascimento tem 76 anos e conseguiu tirar a segunda via da carteira de identidade. “Eu já tinha ido à Feira de Santana uma vez fazer o RG, mas estava faltando um documento. Agora com saque móvel em Cachoeira eu consegui, foi bem rápido. Eu cheguei cedo, já fui atendida e estou esperando o documento ficar pronto”. Aline Souza é artista circense e levou o filho de quase 1 ano para tirar carteira de identidade. “Para quem não tem moradia certa, como eu, o saque móvel é muito importante. Para fazer esse documento, eu teria que tirar um dia e ir à Feira de Santana, no mínimo. Agora que eu consegui, meu filho pode ir ao posto de saúde, ser atendido, receber medicamentos e tomar vacinas”. Combate ao racismo – De acordo com Nairóbi Aguiar, coordenadora da unidade móvel do Centro de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, o atendimento está disponível das 9h às 17h. “A unidade acolhe pessoas vítimas de racismo, de intolerância religiosa ou de qualquer outra ação correlata de racismo direto. O atendimento é aberto ao público, com direcionamento maior à população negra. Nós temos recebido estudantes, pesquisadores, e estamos distribuindo materiais, como o estatuto da Igualdade racial, o folder do centro de referência Nelson Mandela, divulgando nossos serviços, com nossos contatos, telefone e e-mail”, destacou. O professor Luiz Antônio levou um grupo de alunos de uma escola de Muritiba para visitar a Flica e passou pela unidade móvel. “A gente tinha algumas dúvidas. Eu achava que o centro de referência Nelson Mandela era uma ONG e descobri que é uma unidade do Governo do Estado. Eles explicaram os mecanismos que existem para nos defender. Isso é importante principalmente aqui na Bahia, onde grande parte da população é negra e as religiões de matriz africana são bastante comuns. Então é muito interessante a gente trazer os nossos alunos para eles saberem que não estão sozinhos, que existe o órgão que pode atuar em qualquer situação que eles sofreram por causa da cor da pele ou da religião”. A advogada e assessora técnica da SPM, Rosa Cabral, explicou o funcionamento da unidade móvel da Secretaria. “Essa é uma das nossas unidades móveis que a gente sempre traz para os grandes eventos. Nós atendemos vítimas da violência doméstica, não necessariamente de agressões acontecidas durante a festa. O denunciante não sofre nenhum tipo de exposição, a denúncia é sigilosa”. Segundo ela, a partir do atendimento, a mulher recebe todo o protocolo do que ela vai precisar fazer dali para frente, a depender do tipo de violência. Se for violência sexual, por exemplo, ela será encaminhada para cumprir o protocolo médico”. Rosa explica que a denúncia pode ser feita por quem sofreu a violência ou por outra pessoa. “Além da presença do ônibus fazendo atendimento direto, nós estamos também com a campanha Respeita as Mina, que combate o machismo estrutural que causa tantos males a nossa sociedade”.
Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM