Agentes dos Correios protestam contra privatização na Tribuna da Câmara de Salvador

Através de um pedido à vereadora Marta Rodrigues (PT), a Tribuna Popular da Câmara de Salvador recebeu, nesta segunda-feira (2), o representante da Associação dos Profissionais dos Correios da Bahia, Mauricio Fortes Garcia, que fez uma defesa contra a privatização da Empresa de Correios e Telégrafos, que há 150 anos vem prestando papel importante para a população brasileira.

“Precisamos discutir um novo marco regulamentório, sem excluir o papel histórico e essencial do operador público. É importante destacar que a ECT está presente na vida de todos os brasileiros. Ao final de 2018, 91,33% dos distritos com mais de 500 habitantes dispõe de postal interna, e 88,3% deles dispõe de atendimento postal. Qual outra instituição pública ou privada está tão presente na vida dos brasileiros?”, questionou.

Segundo ele, nos últimos meses estão sendo divulgadas uma série de falácias para justificar a privatização dos Correios. “Um deles consiste em apontar a perda dos Correios já que a expansão digital e de novas tecnologias representaria a obsolescência dos profissionais como serviço de carga. Outra falácia”, diz. Ele acrescenta, ainda, que sem a estrutura de distribuição física esses mesmos contingentes populacionais continuaram sem cobertura.

Líder do PT na Câmara Municipal, a vereadora Marta destacou que os Correios promovem integração econômica e social facilitando as transações econômicas, integrando publicidades, distribuindo mercadorias, documentos, processando cobranças pagamentos e prevendo logística completa para a sociedade em geral. “Assim os correios são e continuarão sendo importantes”, declarou.

Já Maurício Fortes Garcia ressaltou que os Correios são das maiores e mais eficazes empresas públicas brasileiras, que desempenham uma atividade lucrativa, sigilosa e estratégica com excelência. “Ressaltamos que os Correios não dependem dos recursos do Tesouro Nacional. Por tudo isso, é do interesse coletivo que os Correios permaneçam atuando como verdadeiro braço do Governo Federal em todo o território nacional, desenvolvendo sua missão como empresa pública”, reiterou o representante da Associação dos Profissionais dos Correios da Bahia.

A edil lembrou, ainda, da moção de apoio presentada na Casa à ECT, que conta com apoio de vários vereadora. Na moção, Marta lembra que os Correios são a única entidade do Governo Federal presente em todo o território nacional. “Os Correios prestam inúmeros serviços relevantes para os órgãos públicos, federais, estaduais e municipais, como o recebimento de impostos e taxas, o pagamento de benefícios sociais, inscrições em cadastros e concursos, logística de eleições, distribuição de livros didáticos e de provas de concursos públicos, distribuição de medicamentos e vários outros. É incontestável o papel estratégico de um Correio Público na logística do país, contribuindo para o desenvolvimento e integração nacional”, pontuou.

Outros vereadores fizeram coro às reivindicações dos agentes durante a Tribuna Popular: a vereadora Aladilce Souza (PCdoB), o vereador Silvio Humberto (PSB), Marcos Mendes (PSOL) e Edvaldo Brito (PTB).

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM