“Vai deixar uma lacuna irreparável no jornalismo e na TV brasileira”, lamenta Geraldo Júnior a morte de Paulo Henrique Amorim

O presidente da Câmara de Vereadores de Salvador, Geraldo Júnior (SD), lamentou profundamente a morte do jornalista e apresentador da Record TV, Paulo Henrique Amorim, aos 77 anos.

Amorim teve um infarto fulminante na manhã desta quarta-feira.

“Amável, inteligente e sagaz, Paulo Henrique Amorim deixará uma lacuna irreparável no jornalismo e na televisão brasileira. Fica sua história de luta por uma imprensa livre e democrática. Adeus, amigo. Aqui ficaremos nós com seu exemplo de um dos maiores jornalistas de todos os tempos. Aos familiares e amigos, que não são poucos, desejamos paz espiritual”, ressaltou Geraldo Júnior, que também é comunicador e entrevistou o jornalista ainda na Rádio Tudo FM.

Renomado, o jornalista teve passagens por diversas emissoras, como a TV Globo e a Bandeirantes, onde foi apresentador do Jornal da Band. Também ficou conhecido pela defesa enfática dos governos petistas em seu blog “Conversa Afiada”.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM