Paróquia São Pedro celebra padroeiro com programação festiva

Com o tema ‘Pedro, o missionário’, a Paróquia São Pedro (Praça da Piedade, 11, Centro de Salvador) promoverá, dos dias 26 a 29 de junho, programação festiva em louvor ao padroeiro. Nos dias 26, 27 e 28 será realizado o tríduo preparatório. No dia 29 – dia consagrado aos apóstolos São Pedro e São Paulo, fundadores da Igreja Primitiva e colunas do Cristianismo –, serão celebradas cinco missas na Igreja Matriz e a missa solene campal em frente ao templo, presidida pelo Arcebispo de Salvador e Primaz do Brasil, Dom Murilo Krieger. A programação incluirá uma procissão que percorrerá as ruas Direita da Piedade, Politeama de Baixo e Forte de São Pedro, Avenida Sete de Setembro, retornando à Igreja de São Pedro.

“A Igreja Católica é a única Instituição que se declara de origem divina. Tudo tem início quando, ao escolher Pedro, Jesus declara: ‘Tu és Pedro e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja’ (Mt 16,18). Pedro é, por excelência, o missionário, aquele a quem Jesus confia a missão de edificar e conduzir a Sua Igreja, de dar continuidade à missão do próprio Jesus”, explica o pároco de São Pedro, padre Aderbal Galvão de Sousa. “Dessa forma, Pedro assume a posição de primeiro Papa, de chefe supremo da Igreja. O pontificado sobrevive há mais de dois mil anos, mantendo-se fiel à missão que foi inicialmente confiada a Pedro e que hoje cabe ao Papa Francisco: o anúncio do Evangelho”, destaca padre Aderbal.

Durante o tríduo preparatório, nos dias 26, 27 e 28 (quarta, quinta e sexta-feira), em todas as celebrações, na Igreja Matriz de São Pedro, será evidenciada a pessoa de Pedro e sua missão. Haverá dois momentos especiais – às 11h e às 16h –, nos quais serão rezadas a Oração do Ofício e a Ladainha de São Pedro, bem como entoados cânticos em seu louvor.

O pároco de São Pedro informa que, este ano, a programação do dia festivo (29) sofreu alteração: “Como a Igreja Matriz de São Pedro está localizada em pleno centro comercial de Salvador, e, no sábado, o comércio fecha às 13 horas, quando as ruas ficam com pouco movimento, achamos melhor antecipar a procissão e a missa solene campal para o fim da manhã, dando maior oportunidade de participação do povo de Deus”, diz padre Aderbal.

A programação do dia 29 será a seguinte: a primeira missa será às 7h na intenção do Papa. A segunda missa será às 8h pelos comerciantes, comerciários e vendedores ambulantes do centro de Salvador e pelos aniversariantes do dia. A celebração das 10h será pelos viúvos e viúvas e pelas pessoas com o nome Pedro. Às 11h sairá a procissão da porta da Igreja Matriz, que percorrerá algumas ruas do centro. Em seguida, às 12h, será celebrada a missa solene campal, em frente à Igreja Matriz, presidida por Dom Murilo. Na parte da tarde, a missa das 14h30 será na intenção dos idosos e doentes; e a missa das 16h, pelos ministérios, pastorais e movimentos religiosos que atuam na paróquia, encerrando-se com a bênção do Santíssimo Sacramento.

A Festa de São Pedro é uma tradição do calendário religioso de Salvador. O santo é padroeiro dos pescadores, porque era pescador; dos viúvos e viúvas, porque era viúvo; dos porteiros, porque Jesus Cristo lhe confiou as chaves do Reino dos céus; dos comerciantes e comerciários, porque a paróquia está localizada no centro da cidade, em área tradicionalmente comercial.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM