Madre de Deus: Vereador pede exoneração imediata de gerente da empresa MM acusado de assédio e maus tratos a funcionários

Os funcionários da empresa MM, responsável pela limpeza pública de Madre de Deus, não andam nada satisfeitos com o tratamento dispensado pelo atual gerente Luciano Gomes. Além de maus tratos, ele ainda é acusado de humilhar os trabalhadores durante o serviço.

O assunto ganhou repercussão no município, após o vereador Marden Filho de Tutuca (PCdoB) cobrar do prefeito Jeferson Andrade e dos secretários de Serviços Públicos, Jacson Andrade, e de Governo, Janatan Silva, a exoneração “imediata” do gerente da empresa.

“Já deu o que tinha que dá. Assina a carta de demissão desse rapaz. Ignorante, muito mal educado com o povo da nossa terra, humilha as pessoas e continua nesse serviço”, disse.

Marden Filho de Tutuca ainda afirma que recebeu várias denúncias, inclusive com abaixo-assinado dos funcionários confirmando o tratamento abusivo e constrangedor do Luciano Gomes.

“Eu não sei por que manter uma pessoa que não tem relação pessoal, que não é humano a frente do comando de mais de 100 pessoas”, destacou o vereador.

De acordo com ele, as denúncias já foram encaminhadas para a Secretaria Municipal de Serviços Públicos, mas como não houve uma mudança de comportamento, decidiu convocar todos os vereadores para pedir a exoneração do gerente diretamente ao chefe Poder Executivo Municipal.

“Peço que, de imediato, o secretário Jacson e o prefeito Jeferson possam fazer a interlocução com o responsável da empresa MM. E que não espere passar Carnaval. Tem que ser demitido é já”, afirmou.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM