Marta Rodrigues lamenta morte de Mãe Stella: “Um legado inquebrantável de paz, amor e união”

Líder da oposição na Câmara de Salvador, a vereadora Marta Rodrigues (PT) lamentou a morte de Mãe Stella de Oxossi, ialorixá do terreiro Ilê Axé Opô Afonjá, na tarde desta quinta-feira (27).

“A morte de Mãe Stella é grande perda para todos os brasileiros. Partiu hoje para o Orum uma guerreira, que dedicou sua vida para o candomblé e pela luta contra o racismo religioso no Brasil. Mãe Stella deixa um legado inquebrantável de paz, de amorosidade e de união entre as religiões. Com certeza será muito bem acolhida e sua mensagem de amor continuará entre nós”.

Para Marta, a trajetória da ialorixá deve servir de exemplo para todos aqueles que buscam a união, independentemente de seguir ou não uma doutrina religiosa. “Mãe Stella é uma referência no país não só para quem é religioso, seja qual for a doutrina, mas também para aqueles que, mesmo sem religião, acreditam que a união é o melhor caminho para a prosperidade”, disse.

A ialorixá estava internada no hospital particular Incar, em Santo Antônio de Jesus, cidade no recôncavo baiano, desde o dia 18 de dezembro. “Desejo uma passagem serena pra Mãe Stella de Oxóssi, que parte numa quinta-feira, dia de seu orixá. Que tenha o merecido descanso diante da vida de luta que levou e dos ensinamentos que proporcionou a todos nós. Transmuto meus sentimentos aos familiares, amigos, filhas e filhos de santo”, afirmou.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM