Codecon revisa dívidas de 1,8 mil consumidores desde o início deste ano

A Diretoria de Ações de Proteção e Defesa do Consumidor (Codecon), vinculada à Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), revisa dívidas dos consumidores para verificar se há exagero nas taxas e nos juros cobrados. Já foram realizados 1.841 cálculos desde o início do ano. O procedimento pode ser efetuado gratuitamente, através do Setor de Cálculo da Diretoria, que fica na Rua Chile, número 03, Centro. Lá, o cálculo revisional é gratuito e efetuado para que os cidadãos possam recorrer junto às empresas credoras os valores das dívidas que forem abusivos.

A Codecon é o único órgão municipal do segmento nas regiões norte e nordeste do país que realiza a planilha de cálculos de forma gratuita. “O trabalho promovido pela Diretoria de Ações de Proteção e Defesa do Consumidor é muito importante por ajudar os consumidores no entendimento de juros abusivos. A proposta é que eles possam resolver com brevidade sua situação, de forma a não acarretar transtornos maiores para a vida financeira dos mesmos”, avalia o diretor da Codecon, Alexandre Lopes.

O primeiro passo para o cidadão realizar a planilha de consumo junto à Codecon é levar documento de identidade, CPF e documentos comprobatórios ligados ao tipo de planilha que o consumidor pretende fazer, exemplo: extratos do cartão de crédito desde quando o cidadão ficou inadimplente; comprovantes de pagamento do plano de saúde; e contrato de adesão de empréstimos. O atendimento é feito por ordem de chegada.

A planilha de cálculo dura cerca de 10 dias para ficar pronta. Depois disso, o consumidor é convidado à sede da Codecon para receber a dívida recalculada no setor jurídico e, se for de interesse do devedor, o órgão convida a empresa credora para o diálogo. Segundo Alexandre Lopes, alguns consumidores optam por pegar a planilha e entrar com uma ação judicial, através do Juizado do Consumidor, quando é detectado que o valor cobrado ultrapassa o limite legalizado.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

FOLLOW @ INSTAGRAM