Consumidor deve ser informado quando concessionária parar serviço essencial

Se depender do vereador Daniel Rios (MDB), as concessionárias de serviços públicos essenciais que atuam em Salvador serão obrigadas a informar em tempo real a interrupção de seus serviços, caso ocorram por causa natural ou provocada. A proposta foi apresentada pelo parlamentar por meio do Projeto de Lei nº 64/18. Conforme a matéria, a informação deverá ser feita nas redes sociais e nos demais meios de comunicação.

“A proposta visa facilitar a vida do consumidor”, afirma Daniel Rios. Ele acrescenta que a informação antecipada sobre a interrupção do serviço facilita o planejamento do consumidor, minimizando problemas e prejuízos.

“De igual modo tenho a intenção de desafogar o fluxo de ligações, por informações, para o SAC das concessionárias de serviços públicos essenciais, quando ocorrer a interrupção”, acrescenta o vereador.

Ainda conforme o projeto de lei, caso a interrupção dos serviços seja programada, as concessionárias deverão informar com antecedência mínima de 24 horas.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

FOLLOW @ INSTAGRAM