Sindseps: sindicato repudia atitude do vereador Igor Kannário e cobra posicionamento da Câmara Municipal de Salvador

A diretoria do Sindicato dos Servidores da Prefeitura do Salvador [Sindseps] repudia veementemente a atitude arrogante do vereador Anderson Machado [PHS] conhecido como “Igor Kannario” ao ser abordado em uma blitz de rotina realizada por prepostos da Transalvador em conjunto com a Polícia Militar da Bahia.

Após ser flagrado tentando evadir do local da blitz e ludibriar os agentes ao esconder seu veículo sem licenciamento, o vereador que dirigia sem ter habilitação começou a proferir ameaças em claro desrespeito ao trabalho feito pelos servidores e às legislações de trânsito. “Eu vou ser deputado federal e isso vai acabar, vocês vão ver…Cada ação tem uma reação”, disse o vereador em tom intimidatório.

“Lamentável ver que a nossa cidade escolheu um indivíduo conhecido pelo claro desrespeito às leis para ser um legislador. Infelizmente a democracia permite isso. Da mesma forma, essa democracia obriga que servidores públicos cumpram seu dever sem fazer distinção de pessoas. O que não permite é que as pessoas que prefiram agir à margem da lei fiquem sem a devida punição por seus flagrantes delitos. Não vamos aceitar que esse personagem caricato da política desrespeite a dignidade de nosso trabalho para fazer valer sua cena bizarra de representante de um modelo de vida inconsequente”, afirmou o diretor do Sindseps, Helivaldo Alcântara que também é agente de trânsito e transportes.

A repercussão das declarações do vereador do PHS que integra a base de apoio do prefeito de Salvador, ACM Neto, soou como uma afronta aos servidores municipais. “Vários colegas foram enfáticos em repudiar a atitude estúpida desse vereador. Vamos cobrar da Casa do Povo que se pronuncie quanto ao comportamento desse indivíduo que acredita estar acima das leis e das instituições. Ele afronta servidores públicos municipais e estaduais, acusou a própria Câmara de Vereadores de abrigar o crime e incita e violência contra policiais. Tudo isso sem posicionamento da Mesa Diretora da Casa”, pontuou Alcântara.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM