YouTube perde grandes anunciantes e ações do Google despencam

Nos bastidores do mundo dos negócios, a Alphabet – conglomerado que administra Google, YouTube, X Company e outras antigas divisões da gigante de buscas – não tem tido uma semana fácil. Diversos grandes anunciantes resolveram parar de investir no YouTube e as suas ações começaram a despencar.

Tudo começou no início de março, quando o jornal britânico The Guardian revelou que anúncios de empresas importantes na Europa estavam aparecendo ao lado de vídeos controversos. Entre eles, os de “americanos nacionalistas brancos, um propagador de ódio banido do Reino Unido e os de um muçulmano fundamentalista”.

Com isso, diversas empresas britânicas desistiram de anunciar no YouTube, incluindo o próprio Guardian. Pouco depois, duas das maiores operadoras de telecomunicações dos EUA, a Verizon e a AT&T, também pararam de investir na plataforma de vídeos da Alphabet.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM