Para Hilton, trios sem cordas “é pouco” para democratização do Carnaval

A contratação de atrações financiadas pelo governo do Estado e pela prefeitura de Salvador para se apresentar “sem cordas” no Carnaval soteropolitano foi considerada positiva pelo vereador Hilton Coelho (PSOL). No entanto, o legislador considera que ainda é muito pouco para promover uma “verdadeira democratização” da festa momesca da capital baiana.

“Precisamos resgatar as características popular e espontânea da festa, e a Mudança do Garcia é isso: a força das manifestações do povo. É um erro querer limitar a espontaneidade da população. O povo está cada vez mais ausente da festa. Considero que a Câmara dá um passo fundamental ao retomar o projeto Câmara Itinerante, mas considero pouco. Precisamos de mais medidas que estimulem o cidadão a participar e se envolver com as discussões da cidade”, argumentou Hilton Coelho.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM