Avenida Suburbana é alvo de grande apreensão de sucatas nesta terça-feira (17)

Combater focos de proliferação do mosquito Aedes aegypti e liberar espaço nas vias públicas para transeuntes e veículos são apenas alguns dos motivos pelo qual a Prefeitura, através da Secretaria de Ordem Pública (Semop), realizará, nesta terça-feira (17), uma das maiores operações para remoção de sucatas já realizadas pelo órgão. A ação ocorrerá na extensão da Avenida Afrânio Peixoto (Suburbana), no trecho que vai da Baixa do Fiscal até a entrada do bairro de Itacaranha. A imprensa poderá acompanhar a operação a partir das 14h, saindo da Avenida San Martin, s/n, ao lado do Colégio Modelo Luis Eduardo Magalhães (sede da Guarda Municipal). Roberto Guerreiro (98816-7312), chefe da operação, comandará as atividades.

De acordo com o chefe do Setor de Proteção à Estética da Cidade (Sepec), Roberto Guerreiro, a escolha do local para a realização da operação foi motivada pelo alto índice de abandono de veículos na região. “A Suburbana é o local onde há maior foco de abandono de sucatas, então resolvemos começar o ano estruturando essa região. No entorno, há várias oficinas e esse fator também favorece o descarte dos veículos por ali”, explicou.

No ano anterior, o Sepec recolheu 1.492 veículos sucateados das vias públicas de Salvador, atendendo a pouco mais de 1.660 denúncias de cidadãos preocupados com o acúmulo de lixo, insetos e a segurança de moradores e transeuntes. Segundo relatório divulgado pelo Sepec, nos últimos quatro anos foram apreendidas mais de CINCO mil sucatas na cidade. A operação também contará com o apoio da Superintendência de Trânsito de Salvador (Transalvador) e da Guarda Municipal.

Denúncias – Para denunciar o abandono de sucatas em vias públicas, o cidadão pode entrar em contato através do telefone 156 ou pelo portal Fala Salvador.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM