Salvador: vereadores apontam expectativas após assumirem seus mandatos

Confira algumas declarações dos vereadores de Salvador após tomarem posses dos mandatos para a próxima legislatura.

Sílvio Humberto (PSB)
Com mais experiência, pretendo marcar o meu segundo mandato pela coerência e pela defesa da educação de qualidade. A ideia é aproximar ainda mais esse parlamento da população de Salvador. Se no primeiro mandato, já fiscalizamos o Executivo, vamos fazer de uma forma muito mais permanente e vigilante.

Marta Rodrigues (PT)
Espero um ano de mais desafios, principalmente porque a bancada de oposição está reduzida. Apesar de fazer parte do bloco da minoria, pretendo levantar debates importantes para a cidade e aproximar a Casa de sindicatos, associações, e das minorias, a exemplo do público LGBT.

Marcelle Moraes (PV)
Quero honrar todos os 15.727 votos confiados a mim. A expectativa é a melhor possível. Tenho como bandeira prioritária a causa animal, que vou defender com todas as minhas forças. Faremos um mandato para toda a cidade e os moradores de Salvador.

Felipe Lucas (PMDB)
Ao lado do prefeito ACM Neto, pretendo contribuir para elevar a qualidade de vida dos moradores da cidade. Uma das minhas principais bandeiras é o esporte como uma potencial ferramenta de inclusão social e irei fazer apresentar projetos nessa área.

Rogéria Santos (PRB)
Meu compromisso é de ter a mais absoluta responsabilidade com os 12.313 votos que obtive. Mais do que focar nessa ou naquela área, quero cuidar das pessoas. Tive votação importante em alguns bairros, a exemplo de Pernambués, mas irei trabalhar por toda a cidade.

Daniel Rios (PMDB)
Junto com a equipe do prefeito ACM Neto pretendo dar continuidade ao trabalho social que venho desenvolvendo ao longo de 20 anos. Esse mandato é um projeto de continuidade que não será interrompido.

Suíca (PT)
Após a experiência do primeiro mandato, pretendo aperfeiçoar o trabalho pela população mais carente de Salvador, contribuir para que a povo pobre da cidade tenha mais dignidade. Continuarei na defesa árdua dos trabalhadores da limpeza e terceirizados.

Téo Senna (PHS)
Nesse retorno a esta Casa, quero utilizar a experiência que adquiri nos três mandatos anteriores. Pude também fazer parte do Poder Executivo, fui diretor de Esportes, e acredito que essa função me deu ainda mais bagagem para fazer um mandato ainda melhor no Legislativo.

Odiosvaldo Vigas (PDT)
Estou motivado para esse novo mandato porque uma das sempre principais bandeiras, na condição de médico, é a saúde. Compreendo que o caos da saúde seja uma questão prioritária na cidade de Salvador. Compreendendo que o caos da saúde não é responsabilidade da cidade, mas principalmente nacional. Defenderei a geração de emprego e renda, estimulando a questão do cooperativismo. Outra bandeira que vou propor é a criação de uma comissão temporária que vise à integração da Região Metropolitana de Salvador. Também irei trabalhar na questão social para o meu sétimo mandato nesta Casa.

Edvaldo Brito (PSD)
Sou e sempre serei coerente com meu pensamento voltado para o interesse da população, de acordo com a linha do programa que eu apresentei para a minha reeleição. Farei a defesa de uma tributação justa, insistindo para que se faça a reforma fundiária urbana. Sou um dos protagonistas com a Medida Provisória Nº 759, na qual o presidente Michel Temer assinou há poucos dias. Ela incorpora a lei de arrecadação dos imóveis abandonados de minha autoria. Além disso, temos uma bandeira social na qual a creche comunitária deve ser respeitada.

Alfredo Mangueira (PMDB)
Estou começando o sétimo mandato nessa Casa sempre voltado para a educação, saúde e brigando também pela segurança. Vou continuar atuando da mesma maneira. Assim como fiz no sexto mandato, continuarei lutando pela população carente de Salvador.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM