“Será que o governador vai ter que intervir na área de atuação do município?, questiona Vânia Galvão

Após denúncias da Central das Creches do Brasil sobre a agressão a um estudante de 12 anos, por outros quatro adolescentes dentro da Escola Municipal Francisco Leite, no bairro de Águas Claras, a vereadora Vânia Galvão, líder do PT na Câmara Municipal de Salvador, e presidente da Comissão de Reparação, cobra a presença da Guarda Municipal na unidade, além das intervenções físicas necessárias para assegurar aos alunos o direito à educação.

“Inadmissível que o prefeito ACM Neto feche os olhos para esta questão. Ele vai à mídia exigir ação do governo, que está atuando intensamente, mas não oferece infraestrutura mínima dentro das escolas. Os estudantes estão sendo agredidos onde deveriam estar protegidos”, observa Vânia Galvão.

Conforme informa o presidente da Central das Creches, Clériston Silva, o ato ocorreu há cerca de duas semanas. Segundo ele, três dos agressores estão matriculados da unidade e o quarto entrou facilmente.

“O prefeito tentou abafar o caso, mas pais dos alunos nos procuraram para denunciar. A escola só conta com um vigia, o muro é baixo e ainda tem um buraco, por onde passam adolescentes ligados a facções criminosas e cometem delitos lá dentro da escola, como neste caso”, atesta.

O presidente denuncia ainda que não há um guarda municipal na escola, “que deveria zelar pelo patrimônio público”. Segundo Clériston Silva, a Polícia Militar faz as operações de rotina diariamente no entorno da unidade. “Os pais estão em pânico, precisamos de uma providencia urgente”, observa.

Clériston diz que a escola tem cerca de 10 mil metros quadrados e atende aproximadamente a 300 crianças do ensino fundamental I e II. “Já não contamos com creches, e agora não estamos tranquilos com nossas crianças na rede municipal, por isso pedimos a intervenção da vereadora Vânia Galvão para cobrar que a prefeitura cumpra seu papel”, atesta o presidente. “Será que o governador vai ter que intervir na área de atuação do município? Será que terá que colocar policiais dentro das escolas municipais, porque o prefeito ACM Neto não consegue manter a ordem nas unidades?” questiona.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM