Médicos da UPA de Itinga estão em greve a partir de hoje (18)

Os médicos da UPA de Itinga estão em greve a partir desta quarta-feira (18), por tempo indeterminado. Todos os atendimentos estão suspensos, apenas permanecerão sob cuidados médicos os pacientes internados. Assim que todos tenham alta ou sejam remanejados para outras unidades de saúde, a UPA de Itinga será fechada.

A decisão foi tomada diante do descaso demonstrado pelo Instituto Médico Cardiológico da Bahia (IMCB), empresa terceirizada pela Prefeitura para gerir a unidade. Não levam a sério as necessidades nem dos médicos nem da população e seguem visando apenas o lucro.

Em resposta à pauta de reivindicações apresentada pelos médicos, desde outubro, as respostas foram evasivas. Não asseguram sequer o cumprimento da lei que é a contratação via CLT, com assinatura das carteiras de trabalho.

Diante deste quadro insustentável, quando os médicos não conseguem exercer dignamente suas atividades e a população não encontra atendimento de qualidade, é necessário parar para acertar.

Na assembleia desta terça (17), com a presença de representantes da empresa gestora, os médicos reiteraram as reivindicações por novos aparelhos; contratação de mais médicos; laboratório dentro da unidade funcionando 24h e segurança dentro da UPA para os profissionais e pacientes.

A população não deve procurar a UPA de Itinga, enquanto a greve for mantida. O Sindicato dos Médicos conta com o apoio da comunidade. A greve tem por objetivo melhorar a qualidade de atendimento para todos.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM