Argentina põe fim ao vestibular para ingresso nas universidades públicas

Para ingressar nas universidade públicas da Argentina não é mais necessário a realização de vestibular. A “Lei de Educação Superior” do país foi alterada na última quarta-feira (28), de outubro pelo Senado, que dispensa o exame também para os cursos de pós-graduação. O argumento para a mudança é que o acesso às universidades deve ser livre e irrestrito, ou seja, os mecanismos de exclusão são proibidos.

A lei afirma também que o Estado tem a responsabilidade de financiar, supervisionar e fiscalizar as universidades nacionais, além de fazer a mesma fiscalização nas instituições privadas. A lei deixa clara a proibição de qualquer tipo de cobrança de taxas, tarifas ou impostos sobre os cursos de graduação de universidades públicas. Hoje em dia, as universidades públicas realizam cobranças pelo ensino à distância, além de cursos de extensão na graduação.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM