Bahia: Galo defende criação da carreira de fiscal sanitário

No segundo dia de atividades da Semana da Vigilância Sanitária e Saúde Ambiental, nesta quarta-feira (23), evento realizado pelo terceiro ano seguido na Assembleia Legislativa da Bahia, o deputado estadual Marcelino Galo (PT), um dos proponentes do encontro, defendeu a criação da carreira de fiscal sanitário como forma de fortalecimento da atuação desses servidores que trabalham na prevenção e promoção da saúde e qualidade de vida da população através do planejamento, vigilância, gestão dos sistemas, serviços e políticas de saúde em todos os níveis de complexidade, envolvendo também questões sociais, programas e projetos voltados para o setor.

“Esses profissionais e sua atividade têm uma importância muito grande para a economia, para a vida, para a produção, para a agroindústria. Nenhuma atividade econômica, nenhuma atividade em nossa vida, tanto na saúde quanto produtiva, pode prescindir da atuação desses profissionais, que tem um papel fundamental do ponto de vista também de atestar a qualidade dos produtos como os agrícolas, os de higiene ou os produtos de beleza, entre outros”, exemplificou Galo, que recebeu o titulo de “Amigo da Vigilância Sanitária e Saúde Ambiental no Estado da Bahia”. “Esse encontro aqui na Assembleia Legislativa vem no sentido de termos, também, vários parlamentares como aliados para que a gente trabalhe uma proposta concreta de criação dessa carreira, visto o trabalho tão importante e necessário para a sociedade quanto o desenvolvido por esses profissionais em saúde coletiva”, destacou o parlamentar, que ontem conduziu os debates sobre agrotóxicos e seus efeitos à saúde do homem e a qualidade da água para o consumo humano na Bahia.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM