Reunião define novas normas de funcionamento dos quiosques no Imbuí

Moradores, comerciantes, lideranças políticas e representantes da Polícia Militar no Imbuí se reuniram na terça-feira (15) para discutir diversas questões que visam melhorar a convivência entre as partes, especialmente na área onde se localizam os quiosques do bairro. Entre os principais itens da pauta, estiveram questões como limpeza dos banheiros, segurança, além de horário de funcionamento e som alto.

Ficou definida uma mudança no regulamento interno da Associação dos Barraqueiros do Imbuí, que passará a penalizar com multa de um salário mínimo o quiosque que for flagrado com som alto após as 22h ou que não cumprir o horário de funcionamento.

A nova definição destes horários também ficou acertada na reunião. De segunda a quinta-feira, os bares só poderão estar abertos até 1h, com encerramento máximo às 2h. De sexta-feira a sábado, as barracas podem receber clientes até as 2h, com encerramento máximo das atividades às 3h – mesmo limite estabelecido para os feriados. Por fim, aos domingos, devem fechar às 22h, com tolerância máxima de funcionamento até as 23h.

A presidente da Associação dos Comerciantes do Imbuí, Regia Maria de Alencar Rocha, comemorou o resultado do encontro. “A reunião foi bastante proveitosa, com vários moradores participando e todo mundo chegando a um consenso sobre os itens que estavam importunando a paz da comunidade, que é, principalmente, a questão do som”, reiterou.

Presente à reunião, o capitão Anselmo Bispo dos Santos Neto, subcomandante da 39ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), falou sobre o trabalho da polícia na área, que tem se intensificado, e informou que já houve redução de mais de 50% da criminalidade na região. O capitão deu dicas de segurança, para que os moradores e comerciantes se previnam de assaltos ou, simplesmente, diminuam a possibilidade de se tornar uma vítima, e orientou os presentes a comunicar o 190 ou o WhatsApp da companhia (71 9999-9999), sempre que observar alguma atitude suspeita.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM