Lula move queixa-crime contra historiador

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entrou nesta terça-feira (15) com uma queixa-crime contra o historiador Marco Antonio Villa, por conta de afirmações caluniosas proferidas por ele na edição de 20 de julho do Jornal da Cultura 2ª edição.

Villa faz parte do elenco fixo de comentaristas do Telejornal. No referido comentário, o historiador disse que o ex-presidente “mente, mente”, que é culpado de “tráfico de influência internacional, sim”, além de “réu oculto do mensalão”, “chefe do petrolão”, “chefe da quadrilha” e teria organizado “todo o esquema de corrupção”, embora não tenha apresentado sequer uma evidência das graves acusações que fez.

Segundo nota do Instituto Lula, “a ação é referente a apenas um dos recorrentes comentários caluniosos que o professor da Unesp repete contra o ex-presidente no jornal noturno da TV pública do governo do Estado de São Paulo”.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM