Protestos pelo país acontecem sem incidentes e líder do MBL ironiza Aécio pela participação

protestoKim Kataguiri, um dos líderes do Movimento Brasil Livre, além de pedir o Fora Dilma, diz que outro grande alvo do dia foi o senador Renan Calheiros (PMDB), presidente do Senado. “Vamos pressionar para desfazer esse acordo do Renan com o governo”. O ativista ironizou o fato do senador Aécio Neves, presidente do PSDB, ter subido em um carro do MBL em Belo Horizonte.

“Aécio subiu no nosso caminhão em Belo Horizonte. Como pode? Xingamos tanto ele… O MBL fez criticas ao PSDB nas redes sociais depois que o partido recuou da estratégia do impeachment. “O TSE pode demorar anos, o TCU está se arrastando. O impeachment é mais rápido”, disse.

As manifestações contra o governo federal que ocorreram em várias capitais neste domingo (16) não tiveram registro de incidentes graves. Os atos ocorreram com tranquilidade e reuniram pessoas que foram às ruas com camisetas da Seleção Brasileira, cartazes com diversos pleitos e bandeiras do Brasil.

Membros da oposição estiveram presentes em algumas capitais brasileiras. O senador tucano Aloysio Nunes, líder do PSDB no Senado, participou do ato em Brasília e disse que ali estava como um cidadão comum. O deputado Jair Bolsonaro (PP/RJ) participou do evento em Fortaleza e foi recebido de forma calorosa. Enquanto seguia pela praça, era chamado de “Bolsomito” e de “orgulho brasileiro”. Algumas pessoas vestiam camisetas que estampavam o rosto do deputado.

Pela manhã, em Maceió, os manifestantes se reuniram no Corredor Vera Arruda, na orla, e seguiram em direção ao Bairro Ponta Verde. Em Salvador, os manifestantes se concentraram no Farol da Barra.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM