Sem crise: grupo de mulheres reinaugura restaurante no Bairro da Paz

No primeiro trimestre de 2015, a economia brasileira extinguiu cerca de 345 mil postos trabalho e a previsão é que, até o final deste ano, esse número chegue a 1 milhão, de acordo com pesquisa divulgada na última semana pelo Conselho Federal de Economia (Cofecon).

Na contramão desta pesquisa, iniciativas comunitárias tem reativado o mercado de trabalho gerando renda para mulheres de bairros periféricos de Salvador, como é o caso de moradoras do Bairro da Paz e de Castelo Branco que se juntaram e vão reinaugurar, nesta sexta-feira, dia 07, a partir das 7h, o Restaurante Tempero da Paz.

Com melhor estrutura para atender o público, o Restaurante servirá café da manhã e almoço (buffet livre), com refeições nutritivas e balanceadas focando na Economia Solidária e produtos de comércio justo. Localizado no Espaço Solidário Colibris, na Rua da Resistência, nº 75, no Bairro da Paz, o restaurante funcionará das 7h às 17h, de segunda à sexta-feira.

A formação técnica destas e de outras mulheres dos bairros foi oferecida pelo Projeto Formação Profissional Salvador – FPSSA, que é executado por meio de parceria entre o Istituto Oikos (ONG italiana) e a Cooperativa Mista Colibris, com financiamento da União Europeia. Para a coordenadora do Grupo Tempero da Paz, Rosana dos Anjos, “a iniciativa movimenta o comércio local, fortalece os grupos organizados, além de oferecer às mulheres uma forma de desenvolverem seus potenciais e gerarem renda para suas famílias. A reinauguração representa um resultado visível e significativo do efetuado até então”, salienta.

Com atuação nos bairros de Mussurunga, São Cristóvão, Itapuã, Narandiba, Bairro da Paz, entre outros, o FPSSA vem ao longo de dois anos qualificando jovens e mulheres nas áreas de culinária, atendimento ao cliente, recepcionista, língua estrangeira, corte e costura, entre outros, visando à inserção no mercado de trabalho e geração de renda.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM