“Não será com agressão e intimidação que o governo do PT vai calar a voz dos vereadores de Salvador”, repudia Tinoco

tinocoprO vereador Claudio Tinoco (DEM) classificou como absurda a violência praticada pelos seguranças do governador Rui Costa ao colega de partido, o vereador Vado Malassombrado. “Não será com agressão e intimidação que o governo do PT vai calar a voz dos vereadores de Salvador”, repudiou Tinoco em defesa do correligionário que foi impedido de reivindicar o aumento do aluguel social durante a entrega, na manhã desta segunda-feira (3), de novas casas a famílias desabrigadas após incêndio que destruiu parte da Baixa do Petróleo, no bairro de Alagados.

Para Tinoco, está evidente que o governador está usando os atos administrativos para realizar comício pré-eleitoral e oferecer espaço para quem já declarou ser candidato em 2016. O democrata comparou ainda o estilo autoritário do petista com o caráter democrático do prefeito ACM Neto, que ao ser abordado por manifestantes durante um ato administrativo ofereceu o espaço e o microfone para a presidente da APLB se pronunciar e apresentar suas reivindicações. “Rui mandar dar porrada como se fosse ‘ação dentro dos conformes’ é um absurdo. Será realmente que o vereador Vado Malassombrado ameaçou a integridade do governador ao ponto de ser estrangulado e retirado à força de um palanque administrativo?”, ressaltou o democrata, cobrando ainda a retratação pela ação truculenta e a punição dos seguranças.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM