Kátia Alves propõe uso de dispositivo para impedir a aplicação de explosivos em caixas eletrônicos

caixaexplosaoA vereadora Kátia Alves quer que todos os terminais de autoatendimento bancário de Salvador possuam dispositivos para impedir a aplicação de explosivos e dificultar a ação dos criminosos. Nesta semana, ela apresentou o Projeto de Lei nº 228/15, que torna obrigatória a instalação desses equipamentos nos caixas eletrônicos da capital. “Os ataques a bancos se tornaram comuns, não apenas em Salvador, mas em toda a Bahia, aterrorizando as pessoas, sobretudo aquelas que têm o desprazer de presenciar a atuação dos bandidos”, afirmou Kátia Alves.

De acordo com a vereadora, a explosão dos terminais bancários causam prejuízos tanto às instituições financeiras quanto à municipalidade, uma vez que as detonações comprometem, em muitos casos, os imóveis próximos ao local do crime. “A crescente utilização de explosivos demanda uma resposta imediata e eficaz do Poder Público. Por isso, é importante encontrar novas formas de coibir essa prática ilegal de consequências tão devastadoras”, argumentou.

Na quinta-feira (30), o Sindicato dos Bancários da Bahia divulgou o número de ocorrências contra agências bancárias no estado, entre janeiro e julho de 2015. Ao todo, foram 140 ataques registrados, sendo 88 explosões, 13 arrombamentos, 11 assaltos e 28 tentativas frustradas. Somente em julho, foram contabilizados seis crimes contra o sistema bancário em Salvador.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM