Salvador: deputado solicita instalação de fotossensores na Cidade Baixa

transitoAtravés de indicação encaminhada ao Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-Ba), pela Casa Legislativa, o deputado Carlos Ubaldino (PSD) requer a implantação de fotossensores na extensão da pista/ciclovia que vai do Largo de Roma até o Largo do Papagaio, no Caminho de Areia, na Cidade Baixa. O intuito é sanar a situação de risco a que a população itapagipana está sendo exposta.

O deputado está ciente das constantes ocorrências de condutores de veículos de pequeno porte e motociclistas, que por imprudência, ausência de cidadania e irresponsabilidade, trafegam por toda extensão da pista não respeitando os limites estabelecidos pelas leis de trânsito. De acordo com o parlamentar, “para não aguardar a retenção de tráfego ocasionada pelos semáforos dos cruzamentos da via em questão, os motoristas infringem a lei transitando por toda a extensão da via, colocando em risco as vidas de crianças, jovens e idosos que passam constantemente pelo local”.

Outro ponto levando pelo deputado é o uso indevido do espaço destinado aos pedestres por comerciantes da área, obrigando esses a se colocarem em risco tendo que se dividir entre o que resta da calçada e a ciclovia, também usada por motociclistas em alta velocidade e condutores de veículos de pequeno porte. Carlos Ubaldino ainda inclui alguns cruzamentos da localidade como: Resende Costa/Caminho de Areia, Duarte da Costa/Caminho de Areia e Jardim Castro Alves/Caminho de Areia, são considerados por moradores da região como uma das travessias mais perigosas para pedestres, devido às constantes invasões de semáforo vermelho.

Frente a todos os relatos de desrespeito às Leis de Trânsito, Ubaldino acredita que com a instalação dos fotossensores possa coibir as constantes infrações, punir e disciplinar os infratores, além de proporcionar um caminhar tranquilo e seguro aos moradores do local.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM