Construção de posto de combustíveis já causa pavor em moradores e estudantes no Stiep

posto_fib_04Uma polêmica vai tomar conta da cidade nos próximos dias. Mais uma vez, a implantação de um posto de combustíveis na capital baiana está envolvida em possíveis irregularidades que conflitam com a Lei de Ordenamento e Uso do Solo (Louos).

Moradores da Avenida Professor Manuel Ribeiro, no Stiep questionam a construção de um posto de gasolina. A localidade conhecida como Ladeira da FIB dá acesso ao Conjunto Vale dos Rios, onde está instalada a Escola Estadual Edivaldo Boaventura.

posto_05A principal queixa é o fato da construção do posto está muito próxima à escola, ferindo a Louos no que refere ao recuo exigido entre os imóveis. Além disso, não há pista de desaceleração para acessar o empreendimento que está situado em uma esquina.

Outro reclame é de que a obra iniciada após autorização da Prefeitura Municipal ampliou os alagamentos naquele local, o que pode ser visto com as recentes chuvas em Salvador. A empresa responsável consta como iniciada em 2013 no local onde não havia qualquer instalação.

O alvará de funcionamento para cosntrução nº20289 para o posto de combustíveis foi emitido após processo iniciado em 2011 na Superintendência de Ordenamento do Uso do Solo do Município (Sucom).

Pelo visto, a empresa cumpriu todas as “condicionantes’ exigidas pela legislação durante as duas últimas gestões municipais.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM