Tucano diz que classe trabalhadora vive o pior momento desde 2004

psdbO vice-líder do Bloco de Oposição, deputado federal Arthur Virgílio Bisneto (PSDB-AM), utilizou a tribuna da Câmara Federal nesta quarta-feira (29), às vésperas do Dia do Trabalhador, para dizer que o país não tem nada para se comemorar neste feriado dos trabalhadores, uma vez que, o salário real do trabalhador registra a pior queda desde 2004.

Segundo o deputado, a taxa de desemprego cresce em todas as regiões metropolitanas do país. O discurso tem como base os dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), desta semana, que mostra a taxa oficial de desemprego do mês de março expressa pela taxa de desocupação, que atingiu 6,2%. O resultado reforça a retomada do aumento do desemprego no país, sendo esse o terceiro aumento consecutivo no ano. Quando se observa a série mensal da taxa de desemprego, nota-se que o resultado de março é o maior desde maio de 2011. Mais ainda: desde junho de 2013 que a taxa não chegava a 6%.

“O governo Dilma está deteriorando a cada dia mais a economia brasileira. Nós estamos passando pela maior queda de renda nos últimos 12 anos. O que a presidente tem para falar sobre os trabalhadores em relação a isso? Infelizmente não temos nada para comemorar nesse dia (Dia do Trabalhador). O salário real dos trabalhadores está tendo a maior queda desde 2004. Portanto, aquela falácia de se dizer que o partido, o governo trabalha unicamente para os trabalhadores cai por terra. Os desempregos crescem em todos as regiões metropolitanas do país”, alertou o deputado.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM