Salvador: Prefeitura esclarece sobre ação de ordenamento na Avenida Joana Angélica

guarda_sindsepsEm relação ao protesto realizado nesta segunda-feira (13) na Avenida Joana Angélica (Centro), após uma ação de fiscais da Prefeitura, a Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) informa que ação de ordenamento é realizada de forma rotineira com o objetivo de garantir o livre acesso de pedestres, bem como a acessibilidade por parte de cadeirantes e demais pessoas portadoras de deficiência nos passeios públicos.

A Semop esclarece ainda que uma pequena parcela de ambulantes tem resistido a ação de relocação e ordenamento realizada pela Prefeitura, definida através do Programa Território Empreendedor – Centro, com base em estudos e diálogos constantes com os próprios comerciantes informais sobre as áreas permitidas para atuação dos mesmos.

A Superintendência de Segurança Urbana e Prevenção à Violência (Susprev), por sua vez, informa que agentes da Guarda Municipal atuaram em apoio às atividades de fiscalização e ordenamento do comércio informal quando foram surpreendidos por ataques de ambulantes contrários às ações de fiscalização, sendo arremessados contra os agentes, cocos e pedras .

Em resposta, visando impedir que outras pessoas fossem atingidas pelos objetos arremessados, agentes utilizaram disparos com munição de elastômero (bala de borracha) para conter os ataques. Na ocasião, duas pessoas foram detidas e encaminhadas para a 1ª Delegacia de Polícia, no bairro dos Barris.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM