Governo e centrais sindicais realizam primeiro encontro para articular debate político

ctbA reunião da Secretaria de Relações Institucionais do Estado (Serin) com representantes das centrais sindicais baianas, em Salvador, foi considerada “positiva” pelo titular da pasta, Josias Gomes. “Sinaliza um novo momento na relação das centrais sindicais com o governo, além de permitir que tenhamos um acompanhamento cotidiano na agenda política com os trabalhadores”.

Segundo o secretário, outras reuniões irão acontecer, estabelecendo nova prática na interlocução política com os trabalhadores baianos. “Essa iniciativa que tomamos, convidando-os para o encontro, resultou em um bom debate. Entre outros temas, já estamos articulando os preparativos para a comemoração de 1º de Maio, Dia do Trabalho”.

O presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT-Bahia), Cedro Silva, afirmou que as lideranças reconhecem e agradecem “o esforço do governo em dialogar com a sociedade, nos convidando para esse encontro. Avalio como algo positivo porque a classe trabalhadora entende que é muito importante poder estar discutindo e apontando ao governo os melhores caminhos para a classe trabalhadora”.

O encontro aconteceu em almoço no restaurante Grande Sertão, no bairro do Costa Azul, com a participação do presidente da regional Bahia do Sindicato Nacional dos Aposentados da Força Sindical e vice-presidente no estado, Nilson Santos Bahia, e do presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT) na Bahia, Magno Lavigne.

Participaram ainda o secretário da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil, Ailton Araújo, o presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores, José Ramos Félix da Silva, a secretária da Mulher da CTB Bahia e coordenadora da APLB – Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, Marilene Betros, e o secretário da CTB Bahia, Claudemir Nonato.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM