“Dê os nomes, Teori” é a nova campanha do PSOL, que cobra divulgação dos 54 citados na Lava Jato

psolCerca de 24 horas depois da Procuradoria Geral da República apresentar ao Supremo Tribunal Federal 54 nomes de autoridades envolvidos no esquema investigado pela Operação Lava Jato, da Polícia Federal, e pedir a abertura de 28 inquéritos, o PSOL cobra do ministro do STF, Teori Zavascki, a divulgação desses nomes e lança a campanha: “Dê os nomes, Teori”. Até agora, o PSOL foi o único partido a se manifestar sobre a nova etapa da Operação Lava Jato, que é a apresentação pelo Ministério Público dos nomes das autoridades públicas envolvidas com o esquema pernicioso e corrompido dentro da Petrobras.

“Queremos a divulgação dos nomes das autoridades públicas“, afirmou o líder do PSOL, Chico Alencar (RJ). “Os nomes tornando-se conhecidos oficialmente, defenderemos o óbvio: que cada parlamentar investigado se afaste de suas funções na Mesa Diretora e da presidência de comissões, tanto na Câmara como no Senado, além de acionarmos o Conselho de Ética e Decoro Parlamentar”.

A mesma postura, o PSOL exigirá do Poder Executivo, que ministros e os que ocupam funções do escalão federal se afastem de seus cargos. Para Chico Alencar, figuras do Executivo envolvidas na Lava Jato devem adotar a postura do ex-ministro da Casa Civil no governo Itamar Franco, Henrique Hargreaves, que se afastou da função durante investigação de suspeitas de corrupção denúncia, posteriormente, confirmada como infundada e que resultou no retorno de Hargreaves.

“Queremos que tudo seja investigado em profundidade e que não haja pelo Legislativo e Executivo espíritos de proteção”. A campanha “Dê os nomes, Teori” caminhará junto com a “Devolve Gilmar”, em referência à análise da Ação Direta de Inconstitucionalidade sobre o financiamento empresarial de campanha, que está no STF e há um ano encontra-se sob pedido de vista do ministro Gilmar Mendes. “Nós vamos continuar incomodando e falando de corda em casa de enforcado”, afirma Chico Alencar.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM