Camaçari: vereadores veem "apropriação indébita" e promessas demais em mensagem do prefeito

teoribeiroSegundo os vereadores petistas Teo Ribeiro e Professora Patrícia, a mensagem lida na Câmara, nesta terça-feira (24), pelo prefeito Ademar Delgado não apontou concretamente novidades para a população. “Além disso, revelou a apropriação indébita de obras, pois ele (Delgado) se apropria de méritos dos outros, a exemplo da primeira etapa da urbanização da bacia do Rio Camaçari”, disse Teo Ribeiro, lembrando que a intervenção foi iniciada na gestão do ex-prefeito Luiz Caetano. “A captação do recurso também foi feita por Caetano”, acrescentou o ex-presidente da Câmara.

 Ainda de acordo com Ribeiro, o discurso de Ademar falou genericamente sobre ações que já estão em curso e excessivamente carregado de promessas. “Muita pouca coisa, quase nada, de novidade. Basicamente, falou de asfalto, iluminação, reformas pontuais, coisas que são obrigação do Poder Público. No mais, citou intervenções prometidas pelo Governo do Estado e fez excessivas promessas, muitas delas repetidas”, citou.

Já Professora Patrícia chamou a atenção para a ausência de qualquer referência especial ao profissionais da educação, que estão na iminência de decretar greve. “Os professores querem que o prefeito, no mínimo, pague o piso nacional da categoria. Mas não houve, na abertura dos trabalhos legislativos, nenhuma sinalização positiva para a categoria”, ponderou.

Ela concluiu afirmando que, ao invés de discursar como o líder que naturalmente qualquer prefeito deve ser, “Ademar Delgado fez o discurso vazio. Quem leu, ouviu ou assistiu a fala dele pôde ver que, após 2 anos e 2 meses de gestão, praticamente não há o que apresentar como realizações”.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM