Deputado quer divulgação de pesquisa só até 15 dias antes da eleição

pesquisas eleitoraisA Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 2/15, que proíbe a publicação de pesquisas eleitorais nas duas semanas anteriores ao dia da eleição. O autor da proposta, deputado Ricardo Barros (PP-PR), entende que essas pesquisas podem influenciar o voto do eleitor e acabam prejudicando políticos e partidos, que às vésperas do pleito não conseguem verificar os dados e métodos utilizados nas pesquisas.

A intenção da proposta não é proibir a realização das pesquisas, mas sim impedir a publicação pelos meios de comunicação sem que haja tempo hábil para a verificação dos dados, métodos e possíveis erros ocorridos na apuração.

Desde as eleições de 2014, o rigor para a publicação de pesquisas de intenção de voto aumentou. Uma lei de 2013 incluiu entre as obrigações das entidades e empresas que realizarem pesquisas, ao fazer o registro na Justiça Eleitoral até cinco dias antes da divulgação, informar o nome de quem pagou pela realização do trabalho, plano amostral e ponderação quanto a sexo, idade, grau de instrução, nível econômico e área física de realização do trabalho a ser executado, além de intervalo de confiança e margem de erro. Também foi proibida a realização de enquetes sobre o processo eleitoral durante a campanha.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM