ALBA: acordo define presidências das comissões temáticas

assembleia_bahiaLíderes dos blocos do governo e da oposição entraram em acordo para definir a participação dos deputados nas comissões temáticas da Assembleia Legislativa. Eles acertaram seguir a proporcionalidade partidária da Casa e, por isso, a bancada de governo ficará com o comando de sete comissões permanentes, enquanto a oposição ficará com três. As comissões são extintas a cada final de legislatura e o prazo para reinstalação é de três sessões plenárias para a indicação dos membros.

Pelo acordo firmado, a bancada da maioria ficou com as presidências dos seguintes colegiados: Constituição e Justiça; Segurança Pública e Direitos Humanos; Saúde e Saneamento; Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia e Serviço Público; Agricultura e Política Rural; Finanças e Orçamento e dos Direitos da Mulher. Já a bancada da minoria terá presidência das comissões Meio Ambiente Seca e Recursos Hídricos; Desenvolvimento Econômico e Turismo e Defesa do Consumidor.

O novato Alex Lima (PTN) ficou com a comissão de Orçamento; Eduardo Sales (PP) com a de Educação; Vítor Bonfim (PDT) na Agricultura e Fabíola Mansur (PSB) ficará com a de Direitos da Mulher. A oposição tem Marcell Moraes (PV) que emplaca na Comissão de Meio Ambiente e Hildécio Meirelles (PMDB), na Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico e Turismo. A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), segue com Joseildo Ramos (PT); na Saúde  vem Alan Sanches (PSD) e a de Direitos Humanos para Marcelino Galo (PT). Da oposição, José de Arimateia (PRB) comandará a Comissão de Defesa do Consumidor.

Um requerimento apresentado pela deputada Ivana Bastos (PSD) solicita a reinstalação da Comissão Especial da Ferrovia da Integração Oeste-Leste (Fiol). O deputado Bira Corôa (PT), que assumiu o mandato na vacância deixada pelo deputado Paulo Câmera (PDT), atual secretário de Agricultura, também apresentou um requerimento solicitando a reinstalação da Comissão Especial da Promoção da Igualdade.

Um dos estreantes no parlamento, o deputado “Bobô” requereu a criação da comissão especial de Desporto, Paradesporto e Lazer. Na sua justifica, ele revela sua preocupação sobre o tema, falando sobre a necessidade de fortalecer o esporte e o lazer do estado, especialmente diante da nova conjuntura do país que sediará as Olimpíadas de 2016 no estado Rio de Janeiro.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM