Vereador acusa prefeito de Salvador de ameaça e população denuncia assistência militar

BecaO vereador Beca (PTN) disse que não vai ceder às pressões para retornar à base do prefeito ACM Neto (DEM) e citou o caso das obras de drenagem no canal da Churupita, no bairro de Luiz Anselmo.

“O prefeito esteve comigo no local e autorizou a drenagem, mas, coincidentemente, depois que o PTN rompeu com ele, as obras foram paralisadas. Para não deixar a comunidade prejudicada, o serviço foi feito em mutirão e sem a participação da prefeitura. Agora, ficam plantando mentiras na imprensa, dizendo que eu estou impedindo a obra. A pressão tem sido muito grande, pedindo para eu voltar para o ninho do prefeito, mas o meu líder é o deputado Bacelar. Tem secretário ligando, mas não adianta, porque eu não vou voltar”, afirmou.

O presidente da Associação de Moradores de Luiz Anselmo, Sebastião Lopes, endossou as palavras do vereador e afirma que foi ameaçado pelo chefe da Assistência Militar do prefeito, major Luciano.

“O que estão fazendo com Beca é pura perseguição. Depois de abandonar a Churupita, a prefeitura agora quer impedir o mutirão da escadaria na Avenida Fonseca. O major Luciano esteve aqui nos ameaçando, dizendo que se não pararmos a obra, ele manda derrubar tudo. ACM Neto deveria saber que a política não pode estar acima dos interesses da população”, disparou.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM