Bancada municipal do PTN denuncia perseguição do prefeito ACM Neto

carolinoOs vereadores Toinho Carolino, Kiki Bispo, Carlos Muniz e Beca, todos do PTN, estiveram na manhã desta terça-feira (03), no bairro de Luiz Anselmo, por conta de uma ação da Prefeitura na Avenida Fonseca, a fim de retirar uma escadaria construída em mutirão pelos moradores do bairro.

Segundo os vereadores, chegando ao local, encontraram policiais da Assistência Militar do prefeito ACM Neto (DEM) fazendo a segurança no local. Houve início de tumulto envolvendo lideranças comunitárias e policiais. “Há mais de um ano eu pedi essa escadaria ao prefeito e ele não fez. As áreas de risco precisam de escadarias, e agora ele manda derrubar a obra que a comunidade fez com o nosso apoio. Isso é autoritarismo”, disparou Beca.

De acordo com Toinho Carolino, líder do PTN na Câmara Municipal, depois do rompimento do partido com ACM Neto, o Palácio Thomé de Souza iniciou uma operação de “perseguição” aos vereadores da sigla. “Vamos denunciar essa prática condenável do prefeito na Câmara, até porque policiais da Assistência Militar estão sendo usados para garantir as arbitrariedades, configurando desvio de função. Ninguém vai calar a voz do PTN, porque o tempo da ditadura foi sepultado”, afirmou.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM