Ministro visita Ufba e estudantes cobram infraestrutura e assistência estudantil

Ministro Cid GomesO ministro da Educação, Cid Gomes, esteve nesta sexta-feira (23) na Bahia dando início ao cronograma de visitas a Universidades Federais pelo país. Na unidade de ensino superior federal da Bahia, a Ufba, o titular da pasta foi recepcionado por membros do Diretório Central dos Estudantes (DCE), que fizeram uma análise de conjuntura nacional, apontando as irregularidades na assistência estudantil nesses seis últimos meses, e entregaram uma carta com as pautas que não foram atendidas. “Passamos para o ministro os problemas na assistência estudantil, como o auxílio transporte, que o transporte aumentou, mas o auxílio não acompanhou. Na carta a gente fala das bolsas que estão atrasadas; das residências que estão em estado de calamidade, algumas já caíram o teto”, aponta a coordenadora-geral do DCE, Lorena Pacheco.

O deputado federal Valmir Assunção (PT) defendeu a proposta do ministro de visitar todas as unidades federais para entender mais da pasta e buscar soluções para os entraves administrativos encontrados nas universidades atualmente. “É necessário ouvir as reivindicações de quem leciona e de quem estuda na universidade, e aproximar mais a comunidade com a Ufba. Tem de ampliar o número de vagas e cursos, melhorar a qualidade e infraestrutura e dar condições de permanência ao estudante através de programas como o Pnaes [Programa Nacional de Assistência Estudantil]”, salienta Valmir, que ainda ressalta a importância de o Ministério começar o contato com os estudantes e com os movimentos sociais.

Ainda de acordo com Lorena Pacheco, que acompanhou a visita, “o ministro perguntou quais eram os problemas da Ufba com a administração central da unidade ao lado dele. “O que o MEC não pode fazer é adotar corte de verbas para educação. O DCE entende o contrário, que é preciso cada vez mais aumentar os recursos para as universidades públicas. Junto a isso também estaremos atentos sobre como a administração da universidade está gerindo os recursos. Queremos debater as prioridades e colocar os estudantes no centro dos investimentos da universidade”, completa Pacheco.

O ministro visitou a Ufba com assessores e foi recepcionado pelo DCE e pelo vice-reitor, Paulo César Miguez. Também estavam no encontro todos os pró-reitores da universidade, além da coordenadora-geral do DCE, Lorena Pacheco; o coordenador de assistência estudantil, Rafael Borges; a coordenadora de comunicação, Elen Rebeca; e o coordenador de formação política, Cícero Cotrin.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM