Bairro de Plataforma sediou último debate sobre a LOA 2015

Reprodução FacebookA quarta e última audiência pública para debater a Lei Orçamentária Anual (LOA) para 2015, promovida pela Câmara Municipal, foi realizada na noite de terça-feira (18) no salão paroquial do bairro de Plataforma, na Rua Úrsula Catharino, no Subúrbio Ferroviário. Conduzida pelo vereador Claudio Tinoco (DEM), presidente da Comissão de Finanças, Orçamento e Fiscalização da Casa Legislativa, a atividade apresentou propostas da prefeitura para diversas áreas como educação, infraestrutura, saúde, cultura, geração de emprego e renda.

Assim como na Federação, São Marcos e Matatu de Brotas, localidades que receberam as três primeiras audiências, os moradores da região tiveram acesso, através da apresentação da diretora-geral de Orçamento da Secretaria Municipal de Gestão, Ana Nery Reis, à destinação dos R$ 6,266 bilhões estimados ao município para o próximo ano. “Nós estamos participando por termos a responsabilidade pela peça orçamentária. Estamos aqui para explicar à população como é elaborada esta peça e de que forma ela pode ser transparente, entendida e até criticada, como forma de interferir e manifestar seus anseios”, frisou Ana Nery.

Contente com a ampla participação da sociedade nos quatros encontros em 2014, o vereador Claudio Tinoco salientou a importância do evento. “Procuramos não só apresentar as propostas que a prefeitura está oferecendo à Câmara Municipal, mas, a partir de janeiro de 2015, aqui em Salvador, intervir na execução dos projetos e ações”, esclareceu Tinoco.

Como presidente da Comissão, Claudio Tinoco exemplificou o objetivo da audiência comparando com a edição de 2013, quando o vereador Heber Santana (PSC) apresentou emenda em benefício de áreas esportivas no bairro de Coutos, após a realização da assembleia no local. Na mesa, o vereador Silvio Humberto (PSB) disse ser necessário entender os números, e que a melhor forma de avaliar o orçamento atual é compará-lo com as projeções do ano anterior.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM