Moema Gramacho e Marcelino Galo discutem moradia com movimento social

moema_galoOs líderes do Movimento de Luta Por Moradia Digna (MLPMD), Zé Leite e Walter Sena, estiveram reunidos nesta quarta-feira (12) com o deputado estadual Marcelino Galo (PT) e a ex-secretária de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes), Moema Gramacho, para discutir ações que contemplem as reivindicações dos movimentos sociais no que diz respeito à aquisição de casas e serviços complementares do programa Minha Casa Minha Vida.

De acordo com o deputado Marcelino Galo, o objetivo é identificar as necessidades dos movimentos, através do diálogo, “e reforçar o apoio à luta por casas e serviços sociais adicionais que contribuam para inserção social e econômica das famílias contempladas pelo programa habitacional do Governo Federal”. Moema Gramacho ressalta a importância do apoio aos movimentos sociais que lutam para reduzir o déficit habitacional no país. “Tive o cuidado de garantir cinco mil moradias para os que mais precisam quando fui prefeita de Lauro de Freitas. Sei o que significa pra uma família a realização do sonho da casa própria emocional e politicamente. Sempre continuaremos para ampliar esse acesso”, afirmou.

Na avaliação dos dirigentes do Movimento de Luta Por Moradia Digna , Zé Leite e Walter Sena, “as obras do Minha Casa Minha Vida mudou a cara da cidade do Salvador e região metropolitana”. Para eles, “o apoio do deputado Marcelino Galo e da ex-secretária Moema Gramacho tem sido importante até agora para a conquista de moradias e será muito importante para as moradias que temos a conquistar para as famílias de baixa renda”.

De acordo com dados do programa Minha Casa Minha Vida mais de 1,560 milhão de unidades habitacionais estão em construção no Brasil. Entre unidades entregues e em construção a Bahia conta atualmente com mais de 270 mil novas habitações apenas pelo programa do Governo Federal.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM