Prefeitura implanta projeto indicado por Leo Prates

ReproduçãoA Prefeitura de Salvador está implantando o programa “Todos para a praia”, que disponibilizará banho de mar assistido, acessibilidade, segurança e facilitadores especializados para que as pessoas com deficiência possam ir à praia. Inicialmente, o programa acontecerá aos sábados e domingos, entre 9h e 14h, no período entre 25 de janeiro e 16 de fevereiro, na praia de Ondina, em frente ao Instituto Baiano de Reabilitação (IBR).

O vereador Leo Prates, líder do DEM e vice-líder do Governo na Câmara Municipal de Salvador (CMS), indicou à Prefeitura este programa, através do Projeto de Indicação nº 15/2013. O programa indicado por Prates foi inspirado no projeto “Praia para Todos”, organizado pela ONG Espaço Novo Ser, com o apoio da Michellin, no Rio de Janeiro, que oferece toda estrutura para que as pessoas com deficiência possam ir à praia, que é o mais popular e democrático espaço da cidade.

“Consideramos que o cadeirante enfrenta muitas dificuldades diariamente nas grandes cidades. Não bastassem as calçadas esburacadas e os problemas de acesso em edifícios e meios de transporte, a maioria dos locais para lazer também oferece poucas facilidades.”, frisou Prates.

A ida à praia parece um programa quase impossível para as pessoas com deficiência em primeira análise, em função da falta de infraestrutura adequada das cidades brasileiras. Sendo assim, as pessoas com mobilidade reduzida optam por permanecer nos passeios, sem acesso à areia e apenas apreciando de longe o mar.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, 10% da população mundial apresenta algum tipo de deficiência. No Brasil, são cerca de 24,6 milhões de pessoas. O projeto deve ter caráter itinerante, para que contemple o maior número de praias, atendendo assim um maior público, considerando que Salvador tem 40 km de praias.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM