Festa do Bonfim recebe título de Patrimônio Imaterial Nacional

ReproduçãoO Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) entrega nesta quarta-feira (15), o título de Patrimônio Imaterial Nacional para a Festa do Bonfim. Durante solenidade na Igreja do Bonfim, recebem o título o governador Jaques Wagner, o arcebispo Dom Murilo Krieger, entre outras autoridades. Participa do evento ainda a ministra da Cultura, Marta Suplicy.

O reconhecimento dos bens culturais imateriais está relacionado aos saberes, às habilidades, às crenças, às práticas e ao modo de ser das pessoas. A Festa do Senhor do Bonfim é realizada desde o ano de 1745, reunindo diversos movimentos culturais.

Os rituais e as celebrações da festa acontecem em diversos espaços de Salvador, tendo seu início com o cortejo que sai da Igreja da Conceição da Praia, no bairro do Comércio, e seu ponto focal na Basílica do Senhor Bom Jesus do Bonfim, situada na Colina Sagrada, na península de Itapagipe, cenário onde é realizada a lavagem das suas escadarias.

A igreja, construída para abrigar a imagem do Senhor do Bonfim que foi trazida de Portugal no século 18, é um monumento tombado pelo Iphan desde 1938, registrado no Livro de Belas Artes. Como festa de largo, a Lavagem do Bonfim incorpora práticas religiosas do catolicismo e do candomblé, associando o culto dos orixás ao culto católico tradicional.

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

FOLLOW @ INSTAGRAM